X
    Categories Saúde

A nova doença Mão-Pé-Boca

Com o segundo filho tudo é mais simples. Lembro que qualquer febrinha no Padawan saíamos correndo para o hospital ao ponto de levarmos broncas da pediatra. Já com a mais nova, ela foi apenas duas vez ao PS. A experiência de passar pelo primeiro filho deixa tudo mais fácil e tranquilo quando temos o segundo…Imagino então os corajosos que tem 3, 4, 5 filhos!


Algo curioso que percebemos aqui em casa é que as doenças de lá para cá (eles tem 5 anos de diferença) mudaram. A mais nova está tendo umas viroses diferentes que o Padawan teve. Sintomas das doenças e nomes diferentes entraram em nosso vocabulário. Uma delas e a doença Mão-Pé-Boca.

Essa doença não é nova-nova. Já existe faz tempo. Porém usei esse termo pois se tornou mais frequente depois de 2003 por causa de um surto na China. Até 2012, 2013 muitos médicos nem sabiam o que eram aqueles sintomas. Hoje está freqüente em todo o mundo.

O QUE É MÃO-PÉ-BOCA E QUAIS SÃO SEUS SINTOMAS?

Hoje é muito normal as crianças abaixo de 5 anos terem a doença Mão-Pé-Boca (HFMD, sigla em inglês para Hand, foot, and mouth disease). É uma enfermidade contagiosa causada pelo vírus Coxsackie da família dos enterovírus que habitam normalmente o sistema digestivo e também podem provocar estomatites (espécie de afta que afeta a mucosa da boca)*

Bem, a Youngling está com isso. Começou com uma febre leve semana passada, que nem precisou administrarmos antitérmicos, e ontem chegou da escola com pequenas feridas na boca e nos pés. A enfermeira da escolinha conversou com a Fá e explicou que ela estava com Mão-Pé-Boca. Conversamos com a Pediatra, enviamos fotos e fechou o diagnóstico sendo essa doença mesmo. Algumas crianças tem vômitos, dores de garganta e desconforto.

O resultado é que e ela está aqui em casa, toda animadinha, e eu dividindo meu tempo com ela e com o meu trabalho, que está sendo embalado pela Galinha Pintadinha :/

CONTÁGIO

O contágio da Mão-Pé-Boca é favorecido por causa dos espaços compartilhados. Parquinhos, escolinhas são os ambientes perfeitos para que os Padawans peguem o vírus Coxsackie. Crianças não são um primor de higiene. Pegam coisas do chão e colocam na boca, compartilham chupetas  e resultado é contágio geral. Minha filha, mesmo com febre, ia na escolinha. Ou seja, contagiou a molecada que estuda lá. E ela pegou também de uma outra menina de lá que teve isso semana retrasada.

TRATAMENTO

O tratamento é simples. Repouso, tomar bastante líquido e se alimentar bem. Analgésicos e antitérmicos via oral e pomada anestésica no local das ulcerações amenizam a dor e a febre, mas não são todas as crianças que sentem esses sintomas. Aqui a Youngling não está se queixando de nada, apenas de coceira nos pés. E dica mais importante: não se deve romper as bolhas pois assim reduz a propagação viral.

Bem, como é feriado na quinta, ela ficará em casa até quarta-feira. E fica a dica: começou a dar febre baixa em seu Padawan, fique de alerta. Se pipocar feridas na boca, mãos ou nos pés já sabe o que pode ser.

Segue um infográfico sobre a doença doença Mão-Pé-Boca:

PS: Sempre consulte um médico, ok?

Imagem via https://www.shutterstock.com

Jorge Freire :A aventura de ser pai em um mundo nerd. Tecnologia, cinema, televisão, cultura pop, e todo o mundo nerd você encontra aqui!