E viva o Cocô Amigo

Começamos o desfrade de minha filha de 2 anos e  4 meses. Como relatei aqui, o começo foi bem difícil, mas a guria está pegando o jeito. Hoje posso dizer que não somos mais sócios da Pampers, porém nos tornamos sócio da indústria de produtos de limpeza.

Interessante que quando ela fez seu primeiro côco na privada, chorou. Ficou com medo e dava para ver isso em seus olhos! A razão são várias: A sensação do côco saindo, dores, ,ver algo que saiu dela indo embora.

É fato que as mulheres sofrem absurdamente mais com prisão de ventre do que os homens. O gastroenterologista do Hospital do Coração (HCor) André Siqueira Matheus, relata que a razão não é apenas por motivos biológicos ou hormonais, mas também pelo receio e timidez.

Sabe quando brincamos de falar “Nossa, que cocô fedido? MEUDEUS, foi você que fez tudo isso? Pronto, você entupiu a privada outra vez…Então, isso pode ajudar nossos filhos e, principalmente as filhas, a terem problema com o número 2 no futuro.

O que devemos fazer para evitar isso?

A Tiras Da Mau (Mãe) criou uma série de desenhos chamada Cocô Amigo. De uma forma simples e bem direta, ela mostra para os Jovens Padawans que não devem ter medo do cocô e que ele é nosso amigo. Com bom humor, podemos mostrar esses desenhos para nossos filhos e, assim, deixar essa neura para trás.

Confira a sequência e mostre para os seus filhos. Imprimimos os desenhos aqui em casa em folha A4 e vamos mostrar para meus filhos e, principalmente, para a mais nova. E que venham muitos cocôs felizes 🙂

Cocô Amigo

 

Imagem da menina via https://www.shutterstock.com