Nem tudo é Peppa Pig ou Elsa no Youtube

Em 2016 a A Academia Americana de Pediatria (AAP)  alterou a ressalva que crianças abaixo de 2 anos não devem usar aparelhos eletrônicos. As novas recomendações baseiam-se na supervisão dos pais, em vez do limite de idade ou horas gastas em frente à televisão ou tablet. (fonte)

Cito duas ressalvas aqui que a AAP alterou:

Ou seja, os pais precisam supervisionar o que os seus Padawans estão assistindo e também serem um tipo de curadores.

A BBC Brasil fez uma reportagem importantíssima sobre alguns riscos que o Youtube pode trazer para os nossos Padawans. Existem alguns vídeos, com BILHÕES DE VIEWS, que imitam animações famosas – como a Peppa Pig, Frozen, Minions, Doutora Brinquedos, Thomas e muitos outros.

A filha da jornalista Laura June – que tem de 3 anos – começou a ver um episódio da Peppa Pig no Youtube e logo ela viu que tinha algo errado:

“A Peppa chora e grita muito, o dentista é um pouco sádico e simplesmente está muito, muito longe do que uma garota de três anos deveria ver. Mas a animação é muito parecida com a Peppa – é uma versão bruta, mas estava próxima o suficiente do original para que a minha filha achasse que ‘esta é a Peppa Pig“

Será que a filha da June viu só esse desenho? Será que a mãe estava o tempo todo ao lado da sua Padawan?

Pais e mães, não tem problema deixar seu Padawan usar tablets e nem smartphones, ok? Tem problema – e dos grandes – se você NÃO PARTICIPA DISSO. É necessário uma supervisão constante do que eles estão assistindo e usar esses recursos tecnológicos como babá é o caminho mais rápido para o Lado Sombrio da Força.

Os pais precisam criar camadas de seguranças na internet, sempre!

Vamos supor que você está ao lado do seu filho e precisa ir no banheiro desesperadamente. Tirar o tablet da mão do filho é a primeira opção. Bem, dou uma segunda: configurar o Youtube e o Youtube Kids.

Conforme a imagem acima, vá até Configurações -> Filtro do Modo Restrito e configure para RESTRITO. Faça a mesma coisa no app Youtube Kids.

Mesmo que você de distraia por alguns segundos – sim, segundos, pois todos sabemos a velocidade que a molecada tem em mudar os vídeos – não corre o risco do seu Padawan assistir algo impróprio.

Acredito que essa configuração irá ajudar – em muito – a acabar com esses vídeos impróprios. O Youtube está trabalhando para tirar da rede vídeos que não são apropriados para as famílias. Se eles percebem que o vídeo pode não ser apropriado, não libera a monetização dele.

Ainda a melhor forma de combater algo não é pela ética ou moral, e sim pelo bolso. Triste, eu sei, mas vamos construir um mundo para que não seja mais necessário essa prática.

E Pequenos Gafanhotos, por favor, sem comparações do tipo na minha época tinha Pica-Pau e ninguém morreu por isso! É falsa simetria. Os dois são desenhos e todos SABIAM o que esperar deles. Pica-Pau tem sadismo, certa violência e sabemos disso. Na Peppa Pig e os outros desenhos, não tem. Ser induzido ao erro é uma prática repugnante, ainda mais se tratando de Padawans.