Caio Tulio - Author at Nerd Pai

Arquivos do autor

23/04/12

Cosplay Animal

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Curiosidades

Bem, vestir cachorros com roupas é uma prática comum e não faz mal nenhum ao animal. Agora usar caixas e outras coisas acho errado. Tem dois exemplos mas NÃO façam isso com seus pets, ok?

Nerd Pai

Fazer um Cosplay, representar um personagem e agir como tal, são grandes demonstrações da paixão pela cultura pop. Seja em eventos do gênero, brincadeiras entre amigos ou simples diversão.

Séries de TV, filmes, quadrinhos, animes, mangás e games são apenas alguns dos vários universos que podem ser explorados pelos Cosplayers.

Mas e quando essa prática mistura a fofura animal e a criatividade ? Confira alguns dos Cosplays Animais !

Pakkun, do anime e mangá Naruto

Pakkun, do anime e mangá Naruto CosplayPakkun, do anime e mangá Naruto Cosplay

Amaterasu, do game Okami

Amaterasu, do game Okami CosplayAmaterasu, do game Okami Cosplay

O “All Terrain Armored Transport”, ou AT-AT walker de Star Wars

All Terrain Armored Transport AT-AT walker de Star Wars cosplayAll Terrain Armored Transport AT-AT walker de Star Wars cosplay

Link, do game The Legend of Zelda

Link, do game The Legend of ZeldaLink, do game The Legend of Zelda

Hulk, de O Incrível Hulk

Hulk, de O Incrível HulkHulk, de O Incrível Hulk

Hal Jordan, de Lanterna Verde

Hal Jordan, de Lanterna Verde

Hal Jordan, de Lanterna Verde

Muitas vezes, o orçamento e produção de um Cosplay não é nada barato! Seja para donos ou animais. Então é aí que entramos na categoria de “Cospobre”. Mas isso é mero detalhe, afinal o que vale é se divertir”

USS Enterprise, de Star Trek

USS Enterprise, de Star TrekUSS Enterprise, de Star Trek

20/04/12

Action Figures Personalizados

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Curiosidades

Você já se imaginou na pele de algum herói ou vilão da DC Comics?

Parar trens como o Super-Homem, mostrar o poder das amazonas como a Mulher-Maravilha ou até mesmo maquinar planos maléficos como Coringa?

Essa é a proposta da empresa britânica Firebox: tentar deixar o sonho de muitos mais próximo da realidade! E tudo isso graças a uma linha de Action Figures Personalizados.

Action Figures Personalizados

Por isso esqueça Clark Kent, Princesa Diana ou Bruce Wayne. O herói ou vilão agora é você.

Action Figures Personalizados

Bonecos de alguns personagens da DC Comics ganham o seu rosto através de um programa de imagens em 3D que cria a cabeça do Action Figure a partir de fotos enviadas em alta resolução.

Action Figures Personalizados

Link da compra.

Só tenho uma coisa a dizer sobre isso…

EU QUERO!

 

18/04/12

Jacob French, um Stormtrooper do bem

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd

Isso é exemplo de engajamento! Jacob French sai pelas estradas usando fantasia do Stormtrooper para arrecadar dinheiro para instituições de caridade! Exemplo para todos nós.

Nerd Pai

Quem disse que todos os Stormtroopers lutam pela tirania do Império?

O australiano Jacob French, de 21 anos, fez a grande diferença e provou o contrário ao andar por mais de 5.000 km fantasiado, arrecadando dinheiro para instituições de caridade.

Um Stormtrooper do bem

Cruzando de Perth até Sidney, cidades praticamente em extremos da Austrália, French caminhou por 10 horas de segunda à sexta, gastou sete pares de sapato e perdeu mais de 12 quilos.

Um Stormtrooper do bem

Em sua Fan Page no Facebook, a Troopertrek 2011, French deixou claro: “Meu objetivo é andar de Perth a Sidney… Em uma armadura de stormtrooper”. Com mais de 19.500 likes,  o jovem recebia mensagens do mundo inteiro, com apoio e incentivo que foram muito importantes para esse desafio.

Um Stormtrooper do bem

Chegando no hospital infantil local de Sidney, com a quantia de 62 mil libras, algo em torno de R$ 180 mil, Jacob French foi recebido e reverenciado como herói pelas crianças e também pela 501ª Legião, que é uma organização mundial de fãs de Star Wars que se vestem a caráter promovendo ações de caridade.

Um Stormtrooper do bem

17/04/12

He-Man mais uma vez nos quadrinhos

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Comics Books

A DC Comics confirmou uma nova minissérie em quadrinhos do universo de Etérnia! Isso mesmo, em julho deste ano, He-Man dará as caras na chamada He-Man and the Masters of the Universe.

Os desenhos de Phillip Tan (Spawn e Homem de Ferro) e roteiro de James Robinson (Sociedade da Justiça da América) desenvolverão a história, que será diferente de tudo o que já vimos antes.

 

O enredo fugirá da “mesmice”, fazendo o herói de Etérnia perder a luta contra o arqui-inimigo Esqueleto, que se tornaria o novo dono do Castelo de Grayskull. Logo, Príncipe Adam e seus amigos ficariam sem recordações da antiga realidade.

Em entrevista ao site da MTV Geeks, o autor disse: “Tenho a consciência de que muita gente acha o desenho meio bobo, mas há uma geração que cresceu naquela época e possui uma afeição genuína pelos personagens. O desafio é escrever algo que eleve o padrão da série com uma história moderna e legal, que honre esses fãs”

Fugindo um pouco da parte infantil, Robinson garantiu que fará do Esqueleto, um personagem muito aterrorizador, a ponto de não só querer o domínio de Etérnia, mas também a cabeça de He-Man em uma bandeja, sendo cruel e maligno para conseguir seus objetivos.

He-Man já apareceu no mundo dos quadrinhos pela Marvel, Dark Horse e na própria DC Comics, onde faz um crossover com Superman

10/04/12

A Vida com Logan

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd

Logan é um garotinho com Síndrome de Down que tem o seu cotidiano retratado por uma webcomic.

Flávio F. Soares, seu pai e também grande exemplo de paternidade, é o autor de “A Vida com Logan”, que completou três anos de publicação ininterrupta.

a vida com logan Síndrome de Down

Assuntos sobre a Síndrome de Down e o relacionamento entre pais e filhos formam o conteúdo das tirinhas publicadas semanalmente. Que também sempre procuram demonstrar uma visão bem-humorada acerca de tudo o que acontece nessa realidade.

a vida com logan Síndrome de Down

Ao final de tudo, A Vida com Logan tenta ser um registro eletrônico da grande aventura chamada vida e do desafio de se criar um filho, tenha ele alguma síndrome ou não. – Flávio F. Soares

a vida com logan Síndrome de Down

Munida de muita imaginação, criatividade, brincadeiras e hiperatividade, a série conta com muitos fãs e críticos. No ano de 2011 foi indicada na categoria de Melhor Tira Nacional do 23º Prêmio HQ Mix.

Fonte – A Vida com Logan

04/04/12

Maneiras de introduzir a cultura nerd no dia a dia dos Padawans.

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Dicas

Ótimas dicas para os pais que querem um filho nerd 🙂 Mas, lembre-se, nunca force uma situação com o seu Padawan. Deixe que as coisas possam fluir naturalmente.

Nerd Pai

Ainda não sou pai. Também não tenho planos para isso. Mas a experiência que levo para ter com meus Padawans num futuro próximo é oriunda de um árduo treinamento com duas pequeninas, minhas irmãs de cinco e quatro anos.

Transformar duas criaturinhas e introduzi-las no universo nerd é algo bem complicado. É preciso muita concentração e dedicação, pois sou o único familiar próximo capaz de disseminar a cultura nerd nelas.

Maneiras de introduzir a cultura nerd no dia a dia dos Padawans

Para quem vive situações parecidas com a minha, bolei alguns passos sobre o que se deve fazer.

  • Contar histórias.

Histórias da Carochinha e outros contos populares para os pequenos dormirem, podem ser facilmente trocados por aventuras espaciais e fantasiosas, autorais ou adaptadas por você mesmo. Lógico que bolar uma lição de moral ao fim, é imprescindível.

  • As brincadeiras e jogos.

Hoje em dia temos uma infinidade de joguinhos e brinquedos com temática nerd. Jogo da memória com tema Star Wars, pecinhas para montar castelos, e muito mais. Além de ser um dos principais fatores para a transformação, esse tipo de divertimento nerd é uma ótima forma de desenvolver a criatividade e raciocínio lógico do seu Padawan.

Maneiras de introduzir a cultura nerd no dia a dia dos Padawans.

  • Fantasias

Caracterizar os pequenos é uma jogada de mestre. Oferecer um universo infinito de interpretações a partir de uma fantasia é algo inexplicável. O Padawan pode ser um poderoso cavaleiro com uma panela na cabeça e um cobertor como capa. Já as meninas podem ser princesas rebeldes com um simples penteado. Tudo está valendo, só depende de sua mediação.

  • Que filmes assistir

Porque não assistir junto com o Padawan, filmes nerds que marcaram antigas gerações? Star Wars, Os Goonies e até De volta para o Futuro, são excelentes pedidas. Se divertir, pausar para explicar algo que ele não entendeu de forma simples, rir ou se emocionar junto com ele, tudo faz parte. E apesar de pequeno, o Padawan vai saber que aquilo importa para você, o que o fará dar uma atenção maior.

Deixem comentários de suas táticas, ideias e estratégias para essa transformação e introdução dos pequenos na cultura nerd.

 

 

Caio Túlio Costa

02/04/12

Angry Birds em Série Animada e Filme

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Video Game

Angry Birds não é só um jogo. Vai ser, no futuro, cada vez menos estilingue e cada vez mais aventura com seus personagens. Serão diferentes tipos de jogos em diferentes formas – Rovio Mobile Ltd.

Ou seja, Angry Birds dominando o mundo.

Nerd Pai

 

No embalo de Angry Birds Space, que registrou 10 milhões de downloads em apenas três dias, a Rovio Mobile anunciou que a franquia Angry Birds terá uma série animada.

Angry Birds em Série Animada e Filme

Os pássaros vão brilhar em 52 episódios curtos com duração de 2,3 ou 5 minutos, que estarão disponíveis para “todas as plataformas possíveis” a partir do último trimestre de 2012, disse Nick Dorra, o diretor de animação da Empresa.

Angry Birds em Série Animada e Filme

 

A Rovio Mobile ainda contratou o ex-presidente do estúdio Marvel, David Maisel, para uma possível tentativa de levar Angry Birds para Hollywood. Explorar o sucesso além das telas de tablets e telefones celulares estão nos planos da companhia.

 

Fonte – via

21/03/12

Videogame na vida dos Padawans

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Video Game

Ótimo texto do Colaborador Nerd Caio Tulio de como o videogame pode ser útil na relação pai e filho, educação e difusão da cultura nerd.

Nerd Pai

Os jogos de videogame podem ser um bom meio para a união entre pai e filho. Mas também podem ser uma maneira de afastá-los caso não esteja sendo usado corretamente.

Sentar no chão com o controle na mão ao lado de seu filho é a principal medida a ser tomada. Assim os dois conseguem garantir belos momentos de comunhão e distração, principalmente quando se está fazendo algo que gostam. O segredo é não levar a situação a sério e deixar claro que a união é o mais importante de todo o processo de jogatina.

Caso seja um jogo de competição, passar a ideia de que o importante é competir e sempre se divertir, é essencial. O sentimento de rivalidade não é nada bom, muito menos quando de trata de Padawans. Um exemplo desse tipo de jogo é Mario Kart.

Videogame na vida dos Padawans

Ficar atento à faixa etária dos jogos também é algo imprescindível. Você não quer o seu filho utilizando golpes de Street Fighter no filho do vizinho (lembram do Zangief Kid?) . Mas também tem que estar de olho no exagero para não impedir a criança de desenvolver suas habilidades.

Estimular a criatividade através do videogame é uma boa pedida. Jogos que o seu filho tenha que desenhar e escrever são ótimos para isso. A melhor postura nesse momento seria dar o ponto de partida para que o filho criasse junto com você, o desenrolar do jogo. Que é o caso do jogo Scribblenauts, onde o protagonista resolve desafios utilizando qualquer coisa que venha na cabeça do jogador, desde que conste no banco de dados do game.

Videogame na vida dos Padawans

Faça disso uma boa experiência! Colher bons frutos no futuro será inevitável.

15/03/12

Despertador Star Wars – Eu quero !

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Eu Quero!

Em Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança, Luke Skywalker fazia seu treinamento com sabre de luz a bordo da Millennium Falcon, quando pode usar a Força pela primeira vez.  De olhos vendados conseguiu se livrar dos tiros de um pequeno robô.

O vídeo abaixo reúne uma compilação com partes da cena e pode refrescar a memória de quem não recorda.

Han Solo – Eu chamo isso de sorte.

Obi-Wan Kenobi – Na minha experiência, não há tal coisa como sorte

Se você demora a acordar ou abusa do argumento de cinco minutinhos a mais, o Jedi Training Remote nunca deixará seu treinamento Jedi atrasar.

Despertador Star Wars - Eu quero

O mesmo robozinho que ajudou Luke Skywalker em seu treinamento pode ser adquirido na forma de despertador! Não, ele não vai acordar você atirando. Mas pelo visto, só se pode calar o alarme do Jedi Training Remote ao arremessá-lo na parede, como mostra a foto da divulgação do produto.

Despertador Star Wars - Eu quero

Ele será lançado na Europa no comecinho de Abril, no valor de £ 19.99, algo na média de R$ 56,00. É uma boa pedida para fãs e apreciadores dorminhocos de Star Wars. O produto está em pré-venda em  Forbidden Planet e Front Line Hobbies .

Fonte –  via

 

12/03/12

Star Wars não foi legal para todos

> Autor: Caio Tulio > Categoria: Colaborador Nerd, Curiosidades

Darth Vader foi um dos papéis que mais influenciou gerações através do cinema. Mas poucos sabem que Jake Lloyd, a criança que interpretou Anakin Skywalker em “A Ameaça Fantasma”, permaneceu totalmente amargurada desde sua atuação em 1999, quando tinha apenas 10 anos.

Star Wars não foi legal para todos Jake Lloyd

“Eu aprendi a odiar quando as câmeras apontavam para mim” disse Lloyd em entrevista ao The Sun.

Star Wars : Episódio I – A Ameaça Fantasma, foi relançado em 3D. Junto com o filme, essa revelação bombástica do ex-ator, hoje com 23 anos. Sim… ex-ator. O último filme de Jake Lloyd foi “Madison” (2001), justamente por causa de maus momentos que a saga de George Lucas o proporcionou. O garoto foi vítima de bullying pesado. Contou que sua infância virou um inferno, pois seus coleguinhas eram muito cruéis e faziam barulhos de sabre de luz todas as vezes que o viam. Jake tinha que dar em torno de 60 entrevistas por dia. Foram diversos fatores que o afastaram de vez do mundo cinematográfico.

Star Wars não foi legal para todos - Jake Lloyd

Jake Lloyd ainda revelou que toda a sua coleção de “Star Wars”, foi destruída por ele mesmo, e que até hoje não quer a menor recordação dos filmes.

Fonte: via e via