Site icon Nerd Pai

Não seja um babaca em 2016

Para muitos o ano novo é a chance de recomeço. Alguns querem um emprego novo, uma vida nova ou um novo amor.

O ser humano curte rituais de passagens – os momentos em que passamos de um ciclo a outro e somos chamados a nos posicionarmos enquanto indivíduos no espaço social em que vivemos. Como o casamento, o Ano Novo é um deles.

Porém Jovens Padawans nada adianta clamar mudanças e esperar elas caírem do céu. Spoiler: isso NUNCA irá acontecer. Você precisa dar o primeiro passo, tomar iniciativas e, principalmente, se transformar.

Mude a forma que você interage com o mundo.

Li esse texto da Carol Patrocinio no Medium o achei SENSACIONAL. Ela lista 16 maneiras de não ser babaca em 2016.

Praticamente TODAS as 16 maneiras estão de uma forma ou outra ligadas às redes sociais. Três delas vejo praticamente todos os dias aqui no blog, no Twitter e no Facebook e estão totalmente ligadas. São elas:

Quando faço um post mais polêmico, SEMPRE aparece alguém criticando uma vírgula mal colocada, um erro de concordância ou um acento indevido.

Ou seja, a pessoa quer diminuir o autor ao invés de discutir o texto! Isso ocorre geralmente pois a pessoa não tem argumentos contrários e prefere o ad hominem à discussão sadia.

Lembre-se SEMPRE que o importante é passar uma ideia, um conceito, e alguns erros de português NUNCA irão enfraquecer um texto.

Bem, já reclamar do #mimimi de alguém acaba sendo até infantil. Por exemplo, você enfrenta uma batalha que mais ninguém conhece e acaba sofrendo por causa disso. É correto que eu ache sua reclamação – seu sofrimento – #mimimi só porque eu não concordo?

As pessoas dizem que dinheiro é a solução de todos os problemas e não entende pessoas ricas com depressão mimimi mimimi mimimi. Entende aqui que para VOCÊ dinheiro é problema e para essa pessoa não é? Ou seja, cada pessoa sofre com aquilo que vive ou deixa de viver.

Vamos respeitar isso?

Já disse algumas vezes nas minhas redes que as pessoas não querem mais discutir um tema, e sim terem razão. Muitos usam de falácias e falsas simetrias apenas para defender o seu ponto de vista.

Eu estou certo e você está errado por mais certo que você esteja.

Esse é o pensamento predominante hoje em dia. Apenas parem.

Vamos discutir, aprender e crescer com as diferenças de pensamentos. Se você concorda com X e eu com Y, vamos conversar! Uma discussão – na internet ou na vida real – não é uma competição! Duas pessoas inteligentes SABEM que ambos irão aprender.

E nunca se esqueçam que mudar de ideia não é sinal de fraqueza e sim de inteligência e adaptação.

Vamos ser assim em 2016? Leia o texto da Carol Patrocinio e seja incrível em 2016, ok?

Imagens Via http://www.shutterstock.com

Sair da versão mobile