rede social Archives - Nerd Pai

Posts com a tag “rede social”

03/04/12

Instagram para Android foi lançado

> Autor: Jorge Freire > Categoria: Dicas

Instagram para Android acabou de ser lançado! Sou fã dessa Rede Social (sim, para mim é uma rede social) onde você compartilha experiências em forma de foto. Tem uns filtros bacanas, onde muitos consideram histers para viver com eles. Porém esses filtros melhoram até sua foto tirada por um Android (brincadeirinha).

Instagram para Android é lançado

E, claro, muitos acham que o Instagram vai “Orkutizar” pois usuários do Android irão invandir essa rede social. Bem, como sempre digo, é você que controla QUALQUER Rede Social. Se você acha que Orkutizou, a culpa é sua por seguir as pessoas erradas 🙂

Para baixar o aplicativo para Android, clique aqui. E para me seguir, adivinhem meu username? NERDPAI. 

Me segue lá, tem sempre foto hipsterizadas 🙂

E BEM VINDOS AO INSTAGRAM USUÁRIOS DO ANDROID

Instagram para Android foi lançado

Esse post foi patrocinado! Clique aqui e saiba mais.
28/02/12

Rede Social para acompanhar seu Padawan – JOHNSON’S® baby Mimo

> Autor: Jorge Freire > Categoria: Parceria

Desde que o Padawan nasceu, eu e a fá fazemos uma agenda com a evolução de seus dados: peso, altura, dentição etc. Bem, pelo blog eu coloco as coisas mais rotineiras, como a 1ª vez que comeu hambúrguer ou foi ao cinema. E amigos meus me perguntam onde eu concentro essas informações! Porém a maioria deles é um “zero à esquerda” em nerdisse e acabam não usando os aplicativos que indico.

Bem, isso até agora.

Rede Social para acompanhar seu Padawan - Johnson's Baby Mimo

JOHNSON’S® baby criou um aplicativo para Facebook, iPhone e Android que é justamente para isso: cadastrar a história do seu Padawande uma forma simples e rápida! O JOHNSON’S® baby Mimo.

Você pode cadastrar a evolução de seu peso, altura, a dentição e até mesmo fazer um diário online!  E o mais bacana e poder compartilhar isso com os amigos e familiares! Imagina o avó coruja recebendo mensagens que o netão cresceu? Talvez assim eles parem de enviar aqueles arquivos enormes em Power Point, né? 🙂

Rede Social para acompanhar seu Padawan - Johnson's Baby Mimo

E o aplicativo faz muito mais! Você pode ver o que seus amigos estão cadastrando de seus Padawans e ajudá-los, pois existe um mural de perguntas e respostas para os pais! Você cadastra sua dúvida e a Rede Social do JOHNSON’S® baby Mimo, e os pais, mães, tios, tias, avós e avôs irão responder e te ajudar!! Máximo não?

Rede Social para acompanhar seu Padawan - Johnson's Baby MimoCom o app para iPhone  e para Android, a experiência é a melhor possível! Você se conecta com sua conta do Facebook mesmo. Pelo app, você pode incluir qualquer informação ao Livro do Bebê. E ainda você pode tirar ou escolher a foto pelo próprio aplicativo e publicar ou compartilhar para quem você quiser!

Rede Social para acompanhar seu Padawan - Johnson's Baby MimoE tanto faz se você insere os dados do seu Padawan pelo Facebook ou pelo app! Eles sempre estarão sincronizados!

Rede Social para acompanhar seu Padawan - Johnson's Baby Mimo

Use o aplicativo pelo Facebook ou baixe as versões para iOS ou para o Android! No futuro seu Padawan irá agradecer por você ter feito um diário completo de sua história! (ou não, se você colocar fotos comprometedoras dele 🙂

 

26/01/12

Facebook doará 1$ para o Asilo Star Wars se você compartilhar esse post

> Autor: Jorge Freire > Categoria: Opinião

Tenho certeza que você não acredita nisso, né? Ou acredita? Bem, você não esta sozinho.

No Facebook a nova “moda” é postar uma foto triste, pesada e desnecessária de crianças machucadas ou de cachorros sofrendo. E o pior e que você compartilha essa foto acreditando que o Facebook, Microsoft, Apple ou a Padaria da esquina da sua casa irão doar um certo valor para a família. ISSO É MENTIRA!

A única razão desse tipo de post é uma: EGO. A pessoa que cria esse hoax quer atenção. Quer que sua linda foto seja compartilhada milhões e milhões de vezes e, consequentemente, sua fanpage ou perfil fiquem cheios de Likes e “amigos“. O problema é que quem vê as fotos fica emocionado e quer ajudar! E compartilham por quererem MESMO AJUDAR. Mas é só parar para pensar um pouquinho: Você acha realmente que empresas desses portes (menos a padaria da esquina) irão DOAR apenas pelos clicks! E  porque aquela família ou cachorrinho tem esse privilégio?

facebook-doação

Facebook, Microsoft e Apple tem um histórico de serem as empresas que mais doam! Ajuda de verdade, não só dinheiro. Claro, claro fazem isso para abatimento de imposto e tal. Mas fazem!

Vamos parar de apertar um botão achando que esta fazendo o bem. Tire sua bunda do sofá e vá fazer trabalho voluntário! Se você não tem tempo para trabalho voluntário, doe dinheiro! Doe sangue! O que mais precisamos é disso: AJUDA REAL. E não vai ser um click para uma criança machucada que fará ela melhorar. E sim atitudes reais. Pense nisso antes de compartilhar outra imagem.

E, querem fazer o bem para todos? Compartilhe esse post! Claro que o Asilo Star Wars não ganhará nada, mas tenho certeza que muitos que usam as Redes Sociais vão.

29/11/11

Se sua timeline é um lixo, a culpa é sua – por @pedrovisky

> Autor: Jorge Freire > Categoria: Post de Amigos

Copiei e colei o texto do blog Meus 2 Cents, do meu amigo @pedrovisky, sobre o grande #mimimi que esta ocorrendo sobre as redes sociais:

Se sua timeline é um lixo, a culpa é sua - por pedrovisky

A discussão já se arrasta há um tempo. Foi quando o twitter começou a ficar famosinho e cunharam o termo “orkutização”. De um tempo pra cá ele andou sumido. Mas agora volta, dessa vez por uma suposta esculhambação no Facebook. Pior que a orkutização das outras redes da moda hoje são os próprios reclamões que levam esse termo a sério e reclamam mesmo da poluição de “coisas toscas” em suas timelines. Ora, se sua timeline só tem porcaria, não adianta dizer que “as pessoas só compartilham porcaria”. A culpa é sua. Tanto no twitter, quanto no Facebook, é você que monta a sua própria timeline.

A maioria das pessoas que vejo reclamando, são justamente aqueles que saem adicionando qualquer um nas redes sociais, adicionam totais desconhecidos, só pra atender ao desejo de ter um milhão de amigos e bem mais forte poder cantar e se sentirem *influentes nas internets*. Só se preocupam em espalhar suas mensagens ao máximo de pessoas possível, mas se esquecem que – principalmente no caso do Facebook – isso significa receber as mensagens de cada uma delas também. É óbvio que se não são pessoas que você conhece, nem se interessa, o conteúdo postado por elas não será interessante a você. Se os que compartilham coisas que não te interessam são mesmo seus amigos e você não quer dar unfollow, existem filtros, sabia? Tanto o Facebook quanto o Twitter oferecem bloqueios de conteúdo.

Não transforme a sua ignorância no uso das ferramentas em culpa das redes sociais ou das pessoas que nelas estão. Não gosta? Não precisa seguir. Simples assim. E nunca se esqueça, nós somos reflexo do meio em que vivemos. Se você acha que praticamente todos os seus amigos nas redes sociais são toscos, você provavelmente também é.

Sempre falo isso para amigos e familiares! A rede social é você que faz! O controle é seu! Fica a dica.

 

19/09/11

Liberdade de expressão e racismo: algumas ponderações – by @madeiradez

> Autor: Professor Madeira > Categoria: Autor Convidado

Na noite de 11.05.11 acontecia mais um jogo eliminatório da copa do Brasil entre Ceará e Flamengo. O jogo terminou em empate o que gerou a eliminação do Flamengo daquele campeonato. Tudo teria terminado aí ou, no máximo, no dia seguinte com piadas dos torcedores dos times rivais.

No entanto, uma torcedora do Flamengo postou comentários infelizes no twitter, comentários sobre como os nordestinos seriam uma raça “feia e sem moral”. Postado o comentário, a autora da frase foi dormir sem imaginar a repercussão de seus comentários.

Naquela mesma noite eu estava em meu twitter (@madeiradez) e comecei a receber mensagens de alunos me encaminhando para o twitter da garota e suas infelizes frases sobre o nordeste.

O restante da história é relativamente conhecido, no dia seguinte a garota acorda e vê o tamanho da repercussão de seus atos. Acaba postando um pedido de desculpas e diz que irá se retirar da rede por um bom tempo.

E é justamente sobre o caso da twiteira racista minha reflexão aqui no blog do @nerdpai.

racismo professor madeira

Em primeiro lugar é preciso que se saiba uma distinção: uma coisa é o crime de racismo (muito grave segundo nossa Constituição) e outra o crime de injúria racial (não tão grave segundo nosso Código Penal).

A diferença entre ambos está na extensão da ofensa. Vejamos um exemplo claro: eu sou originário de uma cidade do interior de São Paulo chamada Bebedouro. Se você diz: todos os bebedourenses são sujos e deveriam morrer, comete o crime de racismo. Se você diz: O Madeira é um bebedourense sujo e deve morrer, você comete o crime de injúria racial.

O primeiro é mais grave do que o segundo e você possivelmente irá para a cadeira por ele. O segundo não é tão grave, mas também pode gerar pena de prisão.

Seja um, seja o outro, haverá muito trabalho para você que não é do direito: contratação de advogado, comparecimento ao fórum e, o que talvez seja o pior, exposição nacional de sua imagem associada a coisas bem ruins.

No entanto, nem tudo é tão simples assim: temos a liberdade de expressão que é assegurada constitucionalmente. A turma do politicamente correto não é muito amiga da liberdade de expressão. Ela assegura o direito de expor sua opinião e, por vezes, estas opiniões acabam esbarrando nos sentimentos das outras pessoas.

Como fazer, então, para que o humor não seja assassinado, para que não viremos zumbis correndo pelas ruas e gritando “brains” sem que isso represente estímulo ao racismo, sem que isso abra as portas para ações criminais e cíveis.

Sinceramente, a resposta não é fácil. Mas acho que vale a pena a leitura das últimas frases da twiteira racista no twitter e um pensamento: vc gostaria de ter que escrever estas frases? Pense nisso em seu próximo texto ou twitte na internet. A frase: “Meu Deus gente, agi por impulso por causa do Flamengo, não tenho nada contra nordestinos… desculpa aí galera. JAMAIS DEVERIA TER FEITO ISSO”; “… agora vou assumir as conseqüências. ): ” ; “vou sumir daqui por um bom tempo”.

Guilherme Madeira Dezem é juiz de direito em São Paulo e acredita piamente que um dia conseguirá mover os objetos com o poder da força – @madeiradez – http://professormadeira.com/

[fbcomments]

19/09/11

Facebook e os adolescentes – Paquera 2.0

> Autor: Jorge Freire > Categoria: Opinião

Eu acompanho o Facebook de filhas e filhos de amigos meus. Converso, faço brincadeiras e falo com os pais se acho que alguma coisa esta errada! Ora, é importante demais os pais monitorarem as Redes Sociais onde os filhos estão! Mas como meus amigos off-line são semi-analfabetos em redes sociais, eu sinto o dever de ficar vendo o que as crianças estão fazendo. Principalmente os adolescentes.

E acho fascinante como a “paquera” evoluiu. Antes jogávamos bolinha de papel para chamar a atenção. Hoje é ser do contra. Ser o chato da rede. Se a menina fala que gosta de melancia, o garoto fala que odeia e prefere melão. E uma terceira aparece e fala que odeia melão, mesmo amando essa fruta!

Olhem essa conversa da filha da madrinha do Padawan:

facebookfacebook

Bruna, vc n pode falar nada pq isso que eu falei para ela do lado do que ela me fala foi um elogio com FLORES E BANQUENTE”

Vamos ignorar as pontuações e os erros de português! Achei fantástico o termo Flores e banquete. Nunca tinha lido ou ouvido isso 🙂

Continuando.

Percebem a complexidade da trama? Uma adolescente pergunta se ela esta bonita. Um menino começa a falar que parece mais sexta-feira 13. Amigas entram na defesa e o moleque fala que a própria dona da foto fala coisa pior para ele! Ou seja, uma paquera 2.0. Sensacional!

O Padawan ainda vai demorar um pouco para acessar Redes Sociais. Nem sei se Twitter ou Facebook irão existir até lá! Mas todos os pais e educadores PRECISAM prestar atenção nas redes para entendermos melhor os comportamentos dos nossos filhos! Claro, não podemos invadir sua privacidade totalmente. E, sim, zelar por ela.

ATUALIZAÇÃO

Os dois estão namorando hoje 🙂